sexta-feira, 10 de novembro de 2006

Somas

Há um tempo que chega
antes do fim de outro

Um hoje que chega
antes do amanhã

Há momentos em que o homem
já não é vida
e ainda não é morte.

Há um tempo que nunca chega
um tempo que nunca parte

Há momentos em que o homem
não é mais que a soma
de todas as eternidades.

Por Samarone Lima

1 Comentários:

Às sexta-feira, novembro 17, 2006 , Blogger Mariana Waldow disse...

Salve Salve bom poeta! vou te falar uma coisa: faz tempo que eu não viajava longe, de carona nas palavras, esses seres efêmeros e poderosos, desvalidados pelo excesso de tudo, do mundo atual, e bom, tua poesia me levou de viagem!

por isso, te saúdo e agradeço.
e te deixo o end do meu blog também! vai lá se der tempo!!
http://spbrasil.blogspot.com/
se não der certo, tenta pelo nome mesmo!
um abraço,
mariana waldow
mariwaldow@hotmail.com

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial