terça-feira, 2 de maio de 2006

Descobertas

As flores que chegaram outro dia
morreram hoje de cansaço

No quintal, criei um cemitério de flores mortas
Um santuário para o acolhimento
de belezas

Há pouco, replantando flores mais velhas que eu
vi formigas invencíveis
carregando pétalas
para saciar a fome

Descobri finalmente
que a beleza
também é algo que se come
pétala por pétala

1 Comentários:

Às sexta-feira, maio 19, 2006 , Anonymous Anônimo disse...

de quem é a autoria?

 

Postar um comentário

Assinar Postar comentários [Atom]

Links para esta postagem:

Criar um link

<< Página inicial